Memória de Francisco Laje

wook 16 € Comprar

A presente obra, centrada no estudo das múltiplas intervenções socioculturais de Francisco Lage associadas ao campo institucional do SPN/SNI nos anos da política do espirito de António Ferro, pretende contribuir para um melhor conhecimento da etnografia, da política folclorista do SPN/SNI, do discurso e das práticas (estetização e autenticidade), e da cultura popular nas décadas de trinta e quarenta do século XX. Neste contexto, são analisadas as origens familiares e sociais de Francisco Lage,...

Saiba mais

Descrição

A presente obra, centrada no estudo das múltiplas intervenções socioculturais de Francisco Lage associadas ao campo institucional do SPN/SNI nos anos da política do espirito de António Ferro, pretende contribuir para um melhor conhecimento da etnografia, da política folclorista do SPN/SNI, do discurso e das práticas (estetização e autenticidade), e da cultura popular nas décadas de trinta e quarenta do século XX. Neste contexto, são analisadas as origens familiares e sociais de Francisco Lage, a personagem em estudo, os anos da sua formação, em Braga; o seu processo como cronista e participação na imprensa; a incursão no teatro; os episódios políticos, ao serviço da CM de Braga; o seu afastamento e posterior processo de integração na sociedade lisboeta; nos anos vinte e trinta. Através da incursão e estudo analítico da sua Biblioteca, foi possível, detectar as suas inquietações temáticas, auscultar as suas tendências a autores preferenciais, as suas ligações intelectuais, que serviram de modelo de inspiração e fonte de informação para a sua acção e construção do seu ideário e reflexão nas diferentes áreas em que praticou/teorizando e teorizou/praticando. a partir do seu pensamento, estruturou-se a análise aprofundada do seu percurso, trajectória e relacionamentos, propostas e conceitos, da singularidade de um homem de acção, multifacetado, com elevado grau de eclectismo. Interventivo no campo da etnografia e da cultura popular, Lage adquire, à época, importância significativa no panorama artístico cultural, e é considerado, segundo uma perspectiva contextual e intertextual, como um agente social activo nos bastidores de uma política de cultura oficial.

Detalhes

  • ISBN:

    9789896169343

  • Edição:

    09-2019

  • Páginas:

    552

  • Idioma:

    Português

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar no site consente a utilização dos cookies. Saber mais