A Batalha de Ourique e a Batalha de Aljubarrota Como Expressão da Lusitanidade

wook 18 € Comprar

A obra tem como objeto de análise a ideia de lusitanidade presente n’Os Lusíadas de Luís de Camões, escrita em 1572. É exposto no trabalho como a identidade portuguesa é formada no poema a partir de dois momentos ímpares da História de Portugal: A Batalha de Ourique e a Batalha de Aljubarrota. Observa-se também como é construída na obra a questão do outro, a alteridade, ou seja, o papel dos inimigos dos lusitanos nesses respectivos confrontos.

Saiba mais

Descrição

A obra tem como objeto de análise a ideia de lusitanidade presente n’Os Lusíadas de Luís de Camões, escrita em 1572. É exposto no trabalho como a identidade portuguesa é formada no poema a partir de dois momentos ímpares da História de Portugal: A Batalha de Ourique e a Batalha de Aljubarrota. Observa-se também como é construída na obra a questão do outro, a alteridade, ou seja, o papel dos inimigos dos lusitanos nesses respectivos confrontos.

Detalhes

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar no site consente a utilização dos cookies. Saber mais