Das Jóias Negras do Império às Jóias da Terra

wook 16 € Comprar

Esta dissertação tem como principal objectivo - dentro dos projectos coloniais do século XVIII - equacionar o papel de Angola nos mesmos percursos, no que toca ao económico no final do século XVIII. A produção académica sobre este assunto - seja no campo do pensamento económico, ou no da História Económica - ainda que se debruce algumas vezes sobre São Tomé e Príncipe - centra-se, maioritariamente sobre o Brasil e a Índia; negligenciando com isto Angola, que era a principal região exportadora de...

Saiba mais

Descrição

Esta dissertação tem como principal objectivo - dentro dos projectos coloniais do século XVIII - equacionar o papel de Angola nos mesmos percursos, no que toca ao económico no final do século XVIII. A produção académica sobre este assunto - seja no campo do pensamento económico, ou no da História Económica - ainda que se debruce algumas vezes sobre São Tomé e Príncipe - centra-se, maioritariamente sobre o Brasil e a Índia; negligenciando com isto Angola, que era a principal região exportadora de escravos do Portugal ultramarino deste período, aspecto que é da maior importância. De igual modo, este trabalho pretende ainda reflectir sobre possíveis reformas e projectos no campo económico, integrando-os com a economia-base no eixo português no Atlântico; equacionando de que forma poderia ser um complemento, ou uma forma de ruptura com as bases económicas daquela colónia, em conexão com a economia internacional.

Detalhes

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar no site consente a utilização dos cookies. Saber mais